segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Um traço ténue

O homem percorre demasiados caminhos na tentativa de perceber quem realmente é. Talvez seja o tempo de olhar as estrelas e de ouvir as respostas que desde os primórdios da civilização têm guardado à vista de todos. Pois é perante a grandeza do Universo que todo o homem percebe que nada mais é do que um ínfimo e ténue traço desenhado pelo mais pequeno pincel de um grande pintor. Ainda assim, o traço crucial para a afirmação da genialidade de toda a pintura.

Sem comentários:

Enviar um comentário