sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Liderança

Cedo o homem se assumiu como um líder exímio. Contudo, colocou-se sempre à distância do lugar que sabia ocupar de forma distinta. Não que o temesse, não que o encarasse com desconfiança. O homem preferia observar a desordem ínfima entre a humanidade, esperando. Esperava o momento certo para assumir-se líder perante os que haviam mergulhado no caos. Pois o que tornava exímio o homem-líder, era o reconhecimento dos que, perante a sua determinação, o reconheciam como uma autoridade competente e em quem depositavam toda a confiança.
O líder exímio é o que, mais do que autoridade, tem a confiança e o apreço dos que por ele são liderados.

Sem comentários:

Enviar um comentário